domingo, 24 de novembro de 2013

Desenho vetorial: caneca de chopp foto-realística


Observe esta caneca de chopp com sua espuma escorrendo pela borda e que repousa tranquilamente sobre a mesa de um bar.

Reparou bem? Pois é, a imagem acima foi totalmente produzida no Inkscape.

Como isso foi feito vai ser difícil de explicar. O desenho possui uma elevada complexidade e não seria possível criar um tutorial passo-a-passo dizendo os pormenores como ele foi feito. Infelizmente um tutorial assim seria inviável. Entretanto, separei para você algumas etapas que foram usadas para produzí-lo.

domingo, 17 de novembro de 2013

Histograma: aprenda a observá-lo e livre-se de enrascadas

Apesar de sua extrema importância, o histograma talvez seja a ferramenta menos usada e compreendida nas câmeras digitais. Nos softwares de edição de fotografias trata-se de um recurso que quase ninguém liga para ele. Se deixasse de existir, provavelmente muita gente sequer daria falta. Mas quem é curioso o bastante e parou para observar este estranho gráfico, talvez já tenha ficado intrigado sobre o seu significado.

Veja também: como corrigir problemas de contraluz em fotos

Se você não sabe, para início de conversa, fique então sabendo agora que este estranho gráfico é importantíssimo. Neste artigo, vamos entender o que é um histograma e como ele pode dar informações preciosas ao profissional que está sempre a observá-lo.


O histograma é formado por uma linha horizontal e outra vertical. Na horizontal estão representados 256 níveis de luminosidade que vão do preto ao branco puros, ou do 0 ao 255, respectivamente. Assim, na porção central desta linha teremos os meios-tons. O eixo vertical representa a quantidade de pixels contida na imagem, em cada uma dessas 256 graduações.


sábado, 9 de novembro de 2013

Não gostou da cor? Mude-a em 5 segundos


A dica a seguir não funciona em todas as fotografias, mas pode ser de grande valia quando a foto possui as condições adequadas para o recurso ser usado.

De maneira geral, para se mudar a cor de um objeto numa foto o procedimento correto é selecioná-lo, protegendo dessa forma as áreas que não irão sofre edição e que deverão ser preservadas. Depois disso, basicamente tudo que você tem a fazer é aplicar a cor desejada. Com o objeto selecionado você tem praticamente o domínio total sobre ele, podendo fazer infinitas coisas.

O grande problema é que selecionar um objeto irregular e com muitos detalhes costuma ser uma tarefa que demanda tempo durante a edição de uma fotografia.

Existe, porém, um jeito muito simples e prático de se fazer isso com uma rapidez incrível.